Identidade

Visão (Soneto de Antero de Quental)
Técnica mista sobre tela
100x60cm
2009
Velut Umbra (Soneto de Antero de Quental)
Técnica mista sobre tela
100x130cm
2009
Tormento do Ideal (Soneto de Antero de Quental)
Técnica mista sobre tela
100x130cm
2009
Salmo (Soneto de Antero de Quental)
Técnica mista sobre tela
100x120cm
2010
Mãe Acto Único Absoluto (Poema de Natália Correia)
Técnica mista sobre tela
100x130cm
2010
Colecção de Arquipélago - Centro de Arte Contemporânea
Lamento (Soneto de Antero de Quental)
Técnica mista sobre tela
100x130cm
 2009
A Sua Santidade (Poema de José Berto)
Técnica mista sobre tela
100x130cm
2010

2 comentários:

Anônimo disse...

Adorei este teu trabalho sobre poemas açorianos. Poemas que já estudei/interpretei. É interessante ver como os pintaste e mais interessante ainda é confrontar as interpretações literárias com as interpretações pictóricas que lhes atribuiste. Os meus parabéns. Fábio Mendes

Vera Bettencourt disse...

Obrigada! :)